CHEGUE NA PAZ

28 de ago de 2010

Viva melhor!

Quando você olhar à sua volta e achar que o mundo se perde em confusão, que as pessoas se agridem e se destroem em angústias, olhe para dentro de você, lembre-se de que sua vida não está lá fora, não depende do que você ouve, mas do que está na sua consciência.

O mundo dos outros não é o seu mundo, a menos que você contribua para a degradação e confusão externas e comuns a muitos setores. Quando olhar à sua volta e só enxergar problemas, busque sua verdade interior, trabalhe os valores que já construiu e a sua sintonia com Deus.

Expresse o melhor de você, pois o mundo é o resultado do que irradiamos
manifestamos, do nosso esforço ou nossa preguiça, nossa nobreza ou nosso desajuste. Quando a descrença povoar seu coração e você vacilar, sofrer e chorar, é porque sua hora de renascer internamente chegou e pressiona você para não mais adiar sua busca de Deus.

Pare então de olhar só para fora e de se impressionar com a propaganda, com que os outros dizem sobre atualização, libertação ou modismos. Olhe demoradamente sua consciência, sua harmonia interna. Indague-se, faça silêncio para que a verdade brote natural.

Há um ponto de luz em seu interior que pode desfazer todas as sombras e dúvidas. Busque o fluir da luz. Que importa se muitos se enquadraram num sistema egoísta e amargo? Comece você a iluminar, a modificar, a permitir que a paz flua através de você. Deixe que a fonte divina jorre sobre tudo.
Comece agora.

O esforço próprio é a mola do verdadeiro crescimento humano, é nele que está a vitória. Não creia nunca no sucesso fácil, na vitória sem luta. Cada um se constrói ou se destrói, se arma, se fortalece e se conquista, ou deixa passar sua hora de crescer e de aperfeiçoar-se.

A mente nos oferece mil opções. Escolha o esforço correto para as conquistas definitivas. Ninguém pode fazer por nós o caminho.

Trabalho, desinteresse pelo supérfluo e concentração no que for definitivo são as armas e as portas da libertação. A cada hora você é chamado, é desafiado para se definir, para aprender nova lição, para expandir a consciência da conquista da paz e do amor a Deus e ao próximo.

(autor desconhecido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário