CHEGUE NA PAZ

6 de jun de 2017

Eu não posso esquecer que o dia 
não é meu. Pertence à vida. E ela me 
oferece com delicadeza. Tudo o que eu 
preciso fazer, é viver. Completamente. 
E só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário