CHEGUE NA PAZ

28 de fev de 2016


A gente precisa de poesia dentro da gente. 
De alma perfumada e riso de criança. 
Às vezes, o córrego da vida precisa de sal, 
de algo que nos desperte por dentro e sirva 
como melodia de dias felizes, tempero 
de momentos vazios, açúcar de horas 
amargas, perfume de noites futuras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário