CHEGUE NA PAZ

31 de dez de 2012

RECEITA DE ANO FELIZ

Pegue 12 meses inteiros.
Limpe-os bem, tirando toda a amargura, ódio e inveja.
Deixe-os tão limpos quanto possível.
Depois, corte cada mês em 28, 30 ou 31 partes diferentes;
mas não pegue todas de uma vez só.
Prepare-as pouco a pouco, atento aos ingredientes.
Misture bem, em cada dia, uma porção de fé, 
uma de paciência, 
uma de coragem e uma de trabalho.
Adicione uma parte de esperança, lealdade, 
generosidade, meditação e boa vontade.
Tempere tudo com pitadas de espiritualidade, 
diversão, um pouco de brincadeiras
e um copo cheio de bom humor.
Despeje tudo isso numa tigela de amor.
Cozinhe bem, com muita alegria, e enfeite com um sorriso.
Depois sirva tranqüilo, desapegado e carinhosamente.
Assim você estará destinado a ter um
FELIZ ANO NOVO!

Via Paz Espiritual***

30 de dez de 2012


‎.·´✿
Não existem oportunidades únicas, 
a vida dá sempre outra chance..·´✿

Paulo Coelho
 .·´✿
"todos nós
somos luzes 
basta acender 
com o esforço
contínuo de 
mudança interior ."
‎"Ao desejar obter algo, devemos, 
em primeiro lugar, mentalizar que esse algo 
já está providenciado e agradecer por essa benção. 
Essa é a melhor maneira de sintonizar 
com a 'transmissão' das graças divinas."

(Masaharu Taniguchi)
"A felicidade é um sentimento simples, 
você pode encontrá-la e deixá-la ir embora, 
por não perceber a sua simplicidade."

Desejo um dia PERFEITO pra vocês!

“Permita-se rir e conhecer outros corações. 
Aprenda a viver, 
aprenda a amar as pessoas com solidariedade,
aprenda a fazer coisas boas, 
aprenda a ajudar os outros, 
aprenda a viver sua própria vida.”

(Mario Quintana)

‎"Dê valor as pessoas enquanto elas estão por perto. 
Saudade não será motivo suficiente para que elas voltem."

29 de dez de 2012


★⋰˚ O amor só é lindo, 
quando encontramos alguém 
que nos transforme no melhor que podemos ser.

Mario Quintana 
 ★⋰˚
‎''Na convivência, o tempo não importa. 
Se for um minuto, uma hora, uma vida. 
O que importa é o que ficou deste minuto, 
desta hora, desta vida. 
Lembra que o que importa 
é tudo que semeares colherás. 
Por isso, marca a tua passagem. 
Deixa algo de ti, do teu minuto, 
da tua hora, do teu dia, da tua vida.''

(Mário Quintana)

★⋰˚ E de tanto querer, aqui dentro,
o melhor já existe. 
E tem o cheiro da sua chegada. 
 ★⋰˚

★⋰˚ Os perdedores vêem os raios e se amedrontam, 
os vencedores vêem a chuva e com ela a oportunidade de cultivar.

(Augusto Cury)
 ★⋰˚

Aleluia, é Dezembro!


É dezembro. 
Época em que mais Te lembramos. 
Tua presença aparece no mundo 
como uma leitura de paz e amor profundo. 

Neste momento esquecemos... 
Ficam à deriva as lembranças de guerras, 
amarguras, terror, fome... 
Vislumbram os povos e nações 
longínqua esperança de amor e perdão. 

De braços abertos - Tu estas a espera do abraço. 
Em silêncio - Teu olhar - nos diz que o bem prevalecerá... 
Que podemos construir no convívio com os humildes.; 
E, - que entre nós, pobres pecadores - 
existirá o congraçamento. 

Sei, sim, de que não é preciso 
As balbúrdias das festas... 
Sei que estarás presente, 
pois Tu és o Amor, 
basta que se pense. 

Andas - passo a passo - lado a lado 
de quem Te necessita, 
- e na solidão que maltrata - 
Não precisa de néon, 
apenas pela mão conduz... 

Teu sorriso confirma que o amor 
não produz guerra, não despreza, 
Não conhece preconceito nem ambição. 

Pois quem ama ampara e socorre sempre, 
entrelaçando credos, povos, cores, 
sem diferenciar ninguém... 

Senhor - que bom que chegas todos os segundos, 
Ainda que te esperemos só em dezembro, 
Tua presença é sempre eterna, 
pois, Contigo, chegam, ainda que, de passagem, 
Esperança e Amor no coração dos homens... 
Aleluia! Pois, é dezembro! 

(Delasnieve Daspet)

28 de dez de 2012


O tempo é como um rio... 
Você nunca poderá tocar a mesma água duas vezes, 
porque a água que passou nunca passará novamente.
Aproveite cada minuto da sua vida... 
Se você continuar dizendo que está ocupado, 
então você nunca estará livre. 
Se você continuar dizendo que não tem tempo, 
então você nunca terá tempo. 
Se você continuar dizendo que fará isso amanhã, 
então o amanhã nunca chegará. 
Nunca se justifique para ninguém. 
Porque a pessoa que gosta de você não precisa 
que você faça isso, e quem não gosta não acreditará.
Não deixe que alguém se torne uma prioridade 
em sua vida, quando você é somente uma 
possível opção na vida dessa pessoa. 
Relacionamentos funcionam melhor quando são equilibrados.
De manhã quando você acorda, 
você tem simplesmente duas opções:
Voltar a dormir e a sonhar ou levantar 
e correr atrás dos seus sonhos. 
A escolha é sua! 
Nós fazemos chorar aqueles que cuidam de nós. 
Nós choramos por aqueles que nunca cuidam de nós.
E nós cuidamos daqueles que nunca vão chorar por nós. 
Essa é a vida, é estranho mas é verdade. 
Uma vez que você entenda isso, 
nunca será tarde demais para mudar.

27 de dez de 2012

Vídeo: Eliane Camargo - Obrigado, Jesus.



ORAÇÃO DA MANHÃ


Senhor, no silêncio deste dia que amanhece, 
venho pedir-te saúde, força, paz e sabedoria. 
Quero olhar hoje o mundo com olhos cheios de amor, 
ser paciente, compreensivo, manso e prudente. 
Ver, além das aparências, teus filhos como Tu mesmo os vês, 
e assim não ver senão o bem em cada um. 
Cerra meus ouvidos a toda calúnia. 
Guarda minha língua de toda maldade.
Que só de bênçãos se encha meu espírito.
Que eu seja tão bondoso e alegre, que todos quantos 
se achegarem a mim, sintam a tua presença.
Senhor, reveste-me de tua beleza.
E que, no decurso deste dia, eu te revele a todos.
Amém!
                        
"Não tenha medo de dar um grande passo quando for necessário.
É impossível cruzar um abismo com dois ou mais pequenos saltos." 

(David Lloyd George)

Você certamente sente, 

ou já sentiu medo de alguma coisa, não é verdade?
Vamos encarar a situação com naturalidade,
afinal de contas, o medo pode ser saudável,
quando nos ajuda preservar a vida.

Mas, muitas situações nos expõem à sensação de medo:
Um clima de competição no mundo profissional.
O medo do novo.
Medo das pessoas.
Medo de fracassar.
Medo do desconhecido.

E até onde, o medo é a grande desculpa para não tentarmos?
Pois é certo que, de cada dez desculpas que você ouve,
nove têm uma grande razão: O MEDO, que é um veneno paralisante, terrível!

O medo paralisa, consome todas as nossas energias, descarrega a bateria, desgasta e, mesmo quando você faz algo que gosta muito, você sempre se perturbará com o medo de que não esteja fazendo as coisas como deveria. Ele põe tudo a perder. Não adianta tentar disfarçá-lo, pois, se você estiver com medo, não conseguirá fazer nada construtivo. Só eliminando-o é que você conseguirá convencer uma pessoa.

O medo do fracasso pode limitar uma pessoa. Isso pode acabar com ela como indivíduo. Se uma pessoa se preocupa sempre com o fracasso, vai ficar tão ansiosa que terminará fracassando.

O medo cria dificuldades imaginárias. E ainda mais, medo é contagioso e se alimenta dele mesmo e se multiplica. Todo mundo percebe quando você está com medo de enfrentar algum desafio. Quero ilustrar essa situação, com uma pequena parábola, que talvez você já conheça:

"Numa terra em guerra havia um rei que causava espanto. Sempre que fazia prisioneiros, não os matava... levava-os a uma sala onde havia um arqueiro do lado de uma imensa porta de ferro, sobre a qual viam-se gravadas figuras de caveiras cobertas por sangue. Nesta sala ele os fazia enfileirar-se em círculo e dizia-lhes então:
   - Vocês podem escolher entre morrer a flechadas por meus arqueiros ou passarem por aquela porta que será trancada logo após sua passagem.
   Todos escolhiam serem mortos pelos arqueiros. Ao terminar a guerra, um soldado que por muito tempo servia ao rei se dirigiu ao soberano:
    - Senhor, posso lhe fazer uma pergunta?
    - Diga, soldado.
    - O que havia por detrás da assustadora porta?
    - Vá e veja você mesmo.
    O soldado então, abre vagarosamente a porta e, na medida em que o faz, raios de sol vão adentrando e clareando o ambiente. E, finalmente, ele descobre, surpreso, que a porta se abria sobre um caminho que conduzia à LIBERDADE!!! O soldado, admirado, apenas olha seu rei, que diz:
     - Eu dava a eles a escolha, mas preferiram morrer a se arriscar a abrir esta porta."

Quantas portas deixamos de abrir pelo medo de arriscar?
Quantas vezes perdemos a liberdade e morremos por dentro, apenas por sentirmos medo de abrir a porta de nossos sonhos?

Desejo que você comece vencer todos os medos, que te impedem de sonhar e realizar...

Repensando...

Faça esforço no sentido de apagar mágoas 
que você tenha na alma. 

É importante que sua alma permaneça serena e cristalina, 
sem o que você deixará refletir a beleza da vida.

Tente desfazer as impressões que a experiência 

desagradável deixou em seu coração.

Cada dia traz vibrações novas. 
Passe um espanador em sua mente. 
A poluição mental pode envenenar o espírito.

Aspire novas energias.

Renasça hoje para que amanhã  
você possa sentir-se mais leve e mais livre.

Imagine uma criança feliz 
brincando em belo jardim... 
Você deve tornar-se como essa criança.

Recomeçar


Deus te abençoe o pão que dás à porta,
Aos romeiros cansados da agonia,
O teto aos que se vão em noite fria,
Na dor em que a nudez se desconforta.

Deus te abençoe o raio de alegria,
Com que a força da fé se te transporta,
No rumo da Esperança semi-morta,
Para trazê-la à Glória de outro dia.

Deus te abençoe por tudo quanto fales,
Para extinguir tristezas, dores, males,
Que se amontoam na penúria imensa...

Deus te abençoe, porém, com mais ternura,
A presença da paz e da ventura.
De todo amor que dês sem recompensa.

Pedi para voltar no tempo!...


Ah encontrei-me com um anjo...

Estava eu a caminhar tristonho e indagou-me ele:
- O que tens?

Disse-lhe:
- Ai meu anjo se ao tempo pudesse voltar...

Então, o ser de encanto e luz, me colocou a seu colo e disse-me:
- O que farias se pudesse? 


E passei então a falar:
“Se, ao tempo pudesse voltar, colocaria cada flor que arranquei novamente na terra, para que ela pudesse sorrir à muitos...

Daria ao irmão desconhecido tudo aquilo que não me faria falta em meus armários,

Daria mais valor às coisas pequenas que passam frente aos nossos olhos, às vezes desapercebidas por estarmos a correr sempre...

Cuidaria mais da saúde de meu corpo, por vezes esquecido pelo trabalho constante, daria mais atenção a meu lar, viveria mais meu canto.

Entenderia mais, daria ao pássaro que me oferece o canto a saudação de meu amor;

Ao sol que me oferece a luz, a gratidão de minha alma.

Aproveitaria o encanto que a luz ofereceu-me para sob ela amar...

Cederia mais, procuraria ser mais aluno aplicado do que professor;

Colocaria aos pés dos que amei mais de mim do que dei...

Ensinaria ao ignorante o caminho da luz antes, de simplesmente ignorá-lo...

Procuraria perdoar o traidor, pois, ao invés de minha ira eles necessitam de minha pena e perdão por terem sido tão fracos.

Prestaria mais atenção às crianças, eternos e grandes professores por serem dotadas da pureza.

Acolheria mais meus velhos, tirando de cada um de seus contos aprendizado a ser colocado em prática...

Entregar-me-ia mais à leitura, buscando entre os grandes mestres literários, o conhecimento necessário para poder ensinar a todos que dos livros não puderam ter acesso...

Ah... Se pudesse anjo, voltar ao tempo...

A cada manhã, ao invés de falar só uma vez:
-Te amo mamãe, papai... 
Diria muito mais vezes...

Ah, se pudesse ainda, corrigiria tudo que me fez perder meu amor e, a este grande amor que conheci me entregaria ainda mais...

Ah se pudesse voltar!...

Por fim, não ficaria olhando os erros e chorando...

Partiria em busca de corrigi-los e, ao me entregar aos braços da senhora morte poder falar:
Fui feliz!..."

Abri os olhos, e o anjo disse-me:
- Então voltes!...

E, cá estou...

Voa...

Deixa que meu olhar te persiga...
Deixa que minha alma te encontre...
Deixa que as tuas asas me ensinem,
A força com que enfrentas a tempestade,
A paz com que deslizas 

sobre a espuma do mar...
e deixa...
Deixa-te voar...
Voa ...
Voa bem alto...
Voa...
Voa até onde ninguém te alcance...
Voa até onde ninguém te prenda...
Voa até onde só tu sabes...
Voa...
Voa bem alto...
Voa...
E é nesse teu voar que me inspiro...
Nessas asas que me solto...
Nessa força que me prendo...
Nessa ousadia que me rendo...
Voa...
Voa bem alto...
Voa...
e me leva com você."

(Pablo Neruda) 

Nos caminhos por onde andei

Nos caminhos por onde andei
o medo reinava, 
mas a confiança na providência divina 
me fazia prosseguir.

Nos caminhos por onde andei
gritos ecoavam a todo instante, 
mas a serenidade interna me protegia.

Nos caminhos por onde andei
o sofrimento era visível, 
mas a misericórdia divina sempre 
se fazia presente na hora certa.

Nos caminhos por onde andei
vi muitas lágrimas, 
mas presenciei inúmeros 
missionários levando consolo.

Nos caminhos por onde andei
o desespero reinava, 
mas o amparo nunca tardava.

Nos caminhos por onde andei
as feridas ainda doíam, 
mas quando a prece era sincera, 
a luz trazia a cura.

Nos caminhos por onde andei
o perdão havia sido esquecido, 
mas quando semeado, crescia forte 
e libertava a todos da prisão.

Nos caminhos por onde andei
a amizade não existia, 
mas mesmo assim, a fraternidade 
sempre surpreendia.

Nos caminhos por onde andei
a escuridão era forte, 
mas a claridade chegava em caravanas.

Nos caminhos por onde andei
o tempo parecia ter parado, 
mas a evolução espiritual continuava, 
mesmo que lentamente.

Nos caminhos por onde andei
não havia flores, mas pequenos gestos de caridade, 
enfeitavam e perfumavam o ambiente.

Nos caminhos por onde andei
as intrigas eram constantes, 
mas a esperança mostrava que era possível 
vencer qualquer adversidade.

Nos caminhos por onde andei
os espinhos machucavam o corpo, 
mas o esforço no bem, a tudo cicatrizava.

Nos caminhos por onde andei
não havia sol, mas a tempestade se ia 
quando o amor começava a brotar.

Nos caminhos por onde andei
os fantasmas eram vários, 
mas com perseverança, eles eram vencidos.

Nos caminhos por onde andei
o chão faltava em muitos momentos, 
mas quando a sinceridade surgia no coração,
mãos se estendiam para ajudar.

Nos caminhos por onde andei
a dúvida era constante, 
mas com paciência e trabalho a resposta vinha.

Nos caminhos por onde andei
a alegria não era conhecida, 
mas com humildade ela era apresentada.

Nos caminhos por onde andei
a loucura parecia sem fim, 
mas com afeto, a serenidade voltava.

Nos caminhos por onde andei
o desamparo era total, 
mas quando a fé se fazia verdadeira, 
a percepção do Pai a nos amparar se fazia notar.

Sim, o Pai jamais nos desampara.
Não importa os caminhos trilhados. 
Se sejam caminhos de dor ou de alegria. 
De resgate ou de compensação. 

Todos os caminhos nos levam a Deus.
E em cada passo dado, 
o Pai sempre estará ao nosso lado.

Seja entre as trevas ou entre o céu.
Jamais estaremos desamparados. 
Basta termos fé.... 

Livro: 
"E a vida se renova" 
de Sônia Carvalho

Não te canses


"Não nos desanimemos de fazer o
bem, pois, a seu tempo ceifaremos,
se não desfalecermos." - Paulo. 
(GALATAS, 6:9.)

Quando o buril começou a ferir o bloco de mármore embrutecido, a pedra, em desespero, clamou contra o próprio destino, mas depois, ao se perceber admirada, encarnando uma das mais belas concepções artísticas do mundo, louvou o cinzel que a dilacerara. 


A lagarta arrastava-se com extrema dificuldade, e, vendo as flores tocadas de beleza e 
perfume, revoltava-se contra o corpo disforme; contudo, um dia, a massa viscosa em que se amargurava, converteu-se nas asas de graciosa e ágil borboleta e, então, enalteceu o feio corpo com que a Natureza lhe preparara o vôo feliz. 

O ferro rubro, colocado na bigorna, espantou-se e sofreu, inconformado; todavia, quando 
 se viu desempenhando importantes funções nas máquinas do progresso, sorriu reconhecidamente para o fogo que o purificara e engrandecera.

A semente lançada à cova escura chorou, atormentada, e indagou por que motivo era 
confiada, assim, ao extremo abandono; entretanto, em se vendo transformada em arbusto,  avançou para o Sol e fez-se árvore respeitada e generosa, abençoando a terra que a isolara no seu seio. 

Não te canses de fazer o bem.

Quem hoje te não compreende a boa-vontade, amanhã te louvará o devotamento e o esforço.

Jamais te desesperes, e auxilia sempre.

A perseverança é a base da vitória.

Não olvides que ceifarás, mais tarde, em tua lavoura de amor e luz, mas só alcançarás 
a divina colheita se caminhares para diante, entre o suor e a confiança, sem nunca desfaleceres.

(Emmanuel)
 Francisco Cândido Xavier, contida no livro "Fonte Viva" 

Oração para aprender a amar


Senhor, quando eu tenho fome...
Dê-me alguém que está com fome.
Senhor, quando estou com sede...
Dê-me alguém que precisa de água.
Senhor, quando eu sentir frio...
Dê-me alguém que precisa de cobertores.
Senhor, quando eu vou sofrer...
Dê-me alguém que precisa de conforto.
Senhor, quando eu olho a minha cruz pesada... 
deixe-me compartilhar outra pessoa cruz. 
Senhor, quando eu vejo pobres... 
colocar-me alguém em necessidade... 
Senhor, quando eu tiver tempo... 
dá-me alguém que precisa de meus minutos. 
Senhor, quando eu vou sofrer uma humilhação...
dá-me ocasião para elogiar alguém. 
Senhor, quando eu estou desanimado... 
dá-me alguém para lhe dar incentivo. 
Senhor, quando eu quero que os outros para entender... 
Dê-me alguém que precisa de minha compreensão.
Senhor, quando eu sinto a necessidade de cuidar de mim... 
Dê-me alguém que eu pudesse participar. 
Senhor, quando penso em mim... 
Voltar minha atenção para outra pessoa. 
Senhor fazer-nos dignos de servir nossos irmãos. 
Por nosso Senhor dar-lhes as mãos 
não apenas o pão diário... 
se não também o amor misericordioso de sua imagem de vocês. 

(Madre Teresa de Calcutá)

26 de dez de 2012


"Se você falar com os animais, eles falarão com você.
E assim, vocês conhecerão um ao outro.
Se você não falar com eles, não os conhecerá...
E aquilo que você não conhece, você teme.... 
E aquilo que se teme, se destrói."

Nós os índios conhecemos o silêncio.
Não temos medo dele. 
Na verdade para nós ele é mais poderoso do que as palavras. 
Nossos ancestrais foram educados nas maneiras 
do silêncio e eles nos transmitiram essa sabedoria. 
"Observa, escuta e logo atua" nos diziam. 
Esta é a maneira correta de viver. 
Observa os animais, para ver como cuidam de seus filhotes.
Observa os anciões, para ver como se comportam.
Observa o homem branco para ver o que querem. 
Sempre observa primeiro com o coração 
e a mente quietos e então aprenderás. 
Quando tiveres observado o suficiente então poderás atuar. 
Com os brancos é o contrário. Vocês aprendem falando. 
Dão prêmios às crianças que falam mais na escola. 
Em suas festas todos tratam de falar. 
No trabalho estão sempre tendo reuniões nas quais todos 
interrompem a todos e todos falam cinco dez cem vezes. 
E chamam isso de "resolver um problema". 
Talvez o silêncio seja duro demais a vocês 
porque mostra um lado que não quereis ver. 
Quando estão numa habitação e há silêncio ficam nervosos. 
Precisam preencher o espaço com sons. 
Então falam compulsivamente mesmo 
antes de saber o que vão dizer. 
Vocês gostam de discutir. 
Nem sequer permitem que o outro termine uma frase. 
Sempre interrompem. 
Para nós isso é muito desrespeitoso e muito estúpido inclusive. 
Se começas a falar eu não vou te interromper. 
Te escutarei. 
Talvez deixe de escutar se não gostar do que estás dizendo. 
Mas não vou te interromper. 
Quando terminares tomarei minha decisão sobre o que disseste, 
mas não te direi se não estou de acordo 
a menos que seja importante. 
Do contrário simplesmente ficarei calado e me afastarei.
Terás dito o que preciso saber. Não há mais nada a dizer. 
Mas isso não é suficiente para a maioria de vocês. 
Deveríamos pensar nas palavras como se fossem sementes. 
Deveriam plantá-las e permiti-las crescer em silêncio. 
Nossos ancestrais nos ensinaram que a terra está sempre 
nos falando e que devemos ficar em silêncio para escutá-la. 
Existem muitas vozes além das nossas. Muitas vozes. 
Só vamos escutá-las em silêncio.
"Não sofremos de falta de comunicação mas ao contrário 
sofremos com todas as forças que nos obrigam 
a nos exprimir quando não temos grande coisa a dizer".