CHEGUE NA PAZ

29 de fev de 2012

UM MENINO NEGRO ENTRA EM UM MERCADO.

UM HOMEM BRANCO DIZ:
"NÃO PERMITO PESSOAS DE COR AQUI..."

O MENINO NEGRO DIZ:

"EU NASCI PRETO...
QUANDO EU ESTOU CONGELANDO, EU SOU NEGRO...
QUANDO ESTOU DOENTE, EU SOU NEGRO...
QUANDO EU ESTIVER MORTO, ESTAREI NEGRO...

QUANDO VOCÊ NASCE, VOCÊ É ROSA...
QUANDO VOCÊ ESTÁ CONGELANDO, VOCÊ É AZUL...
QUANDO VOCÊ SE SENTIR ENVERGONHADO, VOCÊ FICA VERMELHO...
QUANDO VOCÊ ESTÁ MORTO, VOCÊ FICA ROXO...

E VOCÊ ESTÁ ME CHAMANDO DE PESSOA DE COR?"

Sou contra o preconceito e você?

28 de fev de 2012

Viver

Viver, não é doar um pouco...
É doar sempre.
Não é apenas suportar a ofensa...
É esquecê-la.
Não é compadecer...
É ajudar, mesmo que isso se torne incômodo.

Viver, não é simplesmente sorrir...
É mais do que isso, é fazer alguém sorrir.
Viver, não é medir sua ajuda...
É ajudar sem medir.
Não é ajudar somente quem está perto,
mas estar sempre perto para ajudar.


Quem realmente vive e ama,
Não faz o que pode...
FAZ O IMPOSSÍVEL.

Viver é sempre dizer aos outros que eles são importantes,
Que nós os amamos, porque um dia eles se vão
e ficamos com a nítida impressão de que não os amamos o suficiente.

V I V A . . .

Ame as pessoas ao seu redor, diga-lhes o quanto elas significam
para você, perceba que a felicidade é uma coisa tão simples,
que você pode alcançá-la num só gesto, desde que
esse gesto transmita tudo de bom que
existe em você, desde que signifique
SINCERIDADE.
Desde que demonstre AMOR.


(Autoria: Clicia Pavan)
E caminhos precisam ser percorridos mesmo diante de todas
as intranquilidades, funduras precisam ser experimentadas.

Sem essa angústia de se querer encontrar no outro,
porque mesmo sabendo dessa verdade absoluta,
por tanto tempo ainda procuramos no outro
o encontro da nossa paz e nossa alegria.

A nossa paz é algo que pertence exclusivamente a nós
e porque essa insistência absurda em querer
colocar sobre a responsabilidade do outro?

A gente grita, chora sangra e cresce!!!

Então chega o instante de se lapidar,
diante desse olhos crus e olhar para si mesmo
e ver que nada mais é irretocável e se alargar
numa vontade atroz de experienciar esse transbordamento
do meu próprio encontro , da minha inteireza em dias Novos!!!

25 de fev de 2012

Há alguém que me toca a alma

Há alguém que me toca a alma.
Não sei quem é.
Pois sonho acordada
e não consegui ainda atinar.
Quem será?
Me dirá o vento?

.

Ó murmurio da tarde tu
me dirás quem é que me abraça
cheio de amor?

.

A canção de amor que ouço,
o coração cheio de luz que sinto,
um amor cheio de mim -
diga-me brisa - de quem é?

.

Ó penumbra - diz-me
estes braços que me abraçam,
que me dizem: estás em casa!
- a quem pertencem?

.

Ó mar!
Quem é que murmura em minh alma
doces palavras de ternura e que
me diz: sejas livre como o vento
de um sonho de verão? Quem?

.

Chuva! Frio! Solidão!
Já nao me maltratam,
não mais os temo!
Porque dormirei nos braços
de quem me quer...

.

E na flor que se abre
após a chuva e o frio
virão as cores que me negastes um dia...

.

Já vivo sem medos,
Sem noites frias,
Sem arrependimentos,
Aguardando o chamado -
de alguem que me toca a alma!
Vem!

DD_Delasnieve Daspet

Afinidades

Eu me dou bem com as faltas de importância,
Com os desinteresses em geral,
Com as coisas simples, sem relevância,
Comuns, como biscoitos de água e sal,

E vejo, onde ninguém vê elegância,
Rabiscos de elegância sem igual,
Eu me dou bem com o vento desde a infância,
E com a formiga, com a folha, com a roupa no varal...

Não vivo a perseguir titularias...
Em vez de títulos, as rimas das poesias
Sabem fazer melhor a minha cabeça...

Eu me dou bem desde miúdo entre as miudezas...
Sinto-me em casa entre as delicadezas...
Tomara Deus, por fim, que eu nunca cresça...

Luís Alberto Tavares
www.quasepoesia.blogspot.com

23 de fev de 2012

Com receio de sofrer, homens realizam vasectomia no coração.

Com receio de sofrer, mulheres fazem ligadura no coração.

Ambos tornam-se indiferentes e descrentes.

Ambos sacrificam a fertilidade, o inesperado, o porvir.

São enterrados de pé.

Viver não é racionar o que se conhece.

O que se conhece é insuficiente.

Os riscos fazem parte da euforia.

Como a dor, a alegria também pode ser insuportável.

Por receio da alegria, sofremos.

(Fabricio Carpinejar)
"Que se abram os meus caminhos...

Que se abram a minha visão...

Que a serenidade reine em mim...

Que a sabedoria me guie...

Que o sol brilhe na minha alma
atraindo a abundância e fortuna
para a minha existência.

Que a minha vida seja repleta de paz, amor,
abundância, carinho, amizade e felicidade.

Que essa energia irradie para todos ao meu redor.

Que o coração acorde e sua alma desperte
para ver a beleza de nosso planeta.

Que o respeito brote nas ações das pessoas.

Que a luz da compreensão brote de sua mente
e se transforme em ações para um mundo melhor para todos!"

21 de fev de 2012

Carnaval

Que lembranças você tem do carnaval? De um cheiro...?

"Hoje não tem dança, não tem mais menina de trança, nem cheiro de lança no ar". De um beijo...? "Vou beijar-te agora, não me leve a mal, pois é carnaval". De uma loucura...? "Vestiu uma camisa listada e saiu por aí. Em vez de tomar chá com torrada, ele tomou parati". De um porre...? "Eu sou da turma do funil, todo mundo bebe mas ninguém dorme no ponto...". De um desencontro...? "Este ano não vai ser igual aquele que passou, eu não brinquei, você também não brincou".

Você lembra de uma cidade...? "Voltei Recife, foi a saudade que me trouxe pelo braço". De uma solidariedade? "Todo mundo entendeu quando Zelão chorou. Ninguém riu, ninguém brincou, mas era carnaval".

Carnavais de todos os tempos, dos lampiões a gás, da volta pra casa, de madrugada, feliz..."A estrela Dalva, no céu desponta, e a lua anda tonta, com tamanho esplendor...". Carnavais dos terreiros, dos blocos, do bonde. Carnaval que continua trazendo emoções, surpresas, fantasias.

Carnaval que sobrevive. Teimoso.

Carnaval que resiste aos sambódromos, à publicidade, à falta de poesia. Os terreirões, o samba na Cinelândia, os blocos de rua. Marchinhas que insistem em ser cantadas, mesmo ensurdecidas com os tigrões e outros arrastões sem ritmo.

Carnaval que resiste à dengue, emblema maior do descaso, do desgoverno, da incompetência, que nos faz parecer um país medieval (lembra quando os estrangeiros perguntavam se aqui havia cobras em Copacabana e índios pelados na praia?). Carnaval que resiste à tristeza ou existe também com ela. "Mas chegou meu carnaval e ela não desfilou. Eu chorei, na avenida eu chorei..."

É a nossa festa, a mais brasileira, a mais pontual, a que nos promete mais calor e possibilidade de encontros e alegria.

Alguns de nós fogem, se refugiam numa praia, na montanha. Mas, lá de longe, onde os tambores não ecoam, escondido dos confetes, encontra alguém, reencontra, descobre um sentimento escondido. E volta feliz com o seu carnaval diferente, inesperado. Outros mergulham na paz da procura de si mesmo.

Mas, quando volta ao cotidiano e alguém pergunta: o que você fez neste carnaval? O nosso ermitão responde: neste carnaval, eu...

A todos os que ficam - no bloco, nos desfiles, na praia, na rua, no sossego da poltrona em frente à TV. A todos os que preferem outras viagens - na cozinha, na música, num cantinho a dois, longe da multidão. A todos que viajam em busca de um oásis no meio da tempestade de batuques... a todos os amigos: um feliz carnaval e um retorno sem engarrafamentos ou maiores ressacas. Tragam boas histórias, pra gente trocar pelo resto do ano.

"Pedi" licença aos compositores das músicas citadas: Edu Lobo, Chico Buarque, Assis Valente, Sérgio Ricardo. Aos que não lembro (ou não sei), peço perdão.

(Aldo Cordeiro)

20 de fev de 2012

Somos todos um

Somos Todos Um!
Porque o Todo* está em tudo.
Tudo é Ele. Tudo é UM.
Como parte d'Ele, também Somos Um!

Como ensinavam os hermetistas de outrora,
"Nada está fora do Todo.
Se algo estivesse fora, não seria mais o Todo.
Pois, então, estaria faltando um pedaço."

Quando se diz que Ele é o Todo,
É porque está em tudo, sem exceção alguma.
Portanto, também está em nossos corações.
E em qualquer coisa que pensarmos.

Sim, há um Grande Coração da Vida em nós.
Ele pulsa a luz eterna em nossos pequenos corações.
Liga cada um de nós ao mesmo Amor Cósmico.
Seja estrela, espírito ou homem, em tudo Ele está!

No Corão, na Bíblia, no Talmud, no Tao Te Ching,
No Bhagavad-Gita, nos Vedas, no Zend Avesta,
Em O Livro dos Espíritos, no Caibalion, na Doutrina Secreta,
E em todas as obras, Ele é o cerne de tudo.

Nas igrejas cristãs, nas sinagogas, nas mesquitas, nos ashrans,
Nos centros espirituais, nos terreiros de Umbanda,
Nos grupos espiritualistas, nos templos budistas,
E em qualquer lugar sagrado, é Ele a inspiração de todos.

E quem poderá dizer que não?
Ele sopra por onde quer. Ou seja, em tudo.
E algum templo ou grupo tem exclusividade sobre Ele?
Ou Ele está onde quer, porque é o Dono de tudo?...

Ah, estamos falando do Todo.
E qualquer definição disso ou daquilo,
Não passa de especulação relativa dos homens,
Sobre o Absoluto. E só Ele é que sabe quem Ele é.

Só o Todo compreende o Todo!
Ao homem, cabe compreender o homem.
E, assim fazendo, compreender a si mesmo.
Para sentir o Todo nesta compreensão.

Para, então, perceber que Somos Todos Um!
Não somos negros, brancos, amarelos ou vermelhos.
Somos da cor da LUZ, pois matéria é energia condensada.
Somos o Eterno, condensados em forma de gente.

Somos mais do que pensamos e sentimos.
Podemos ver além do horizonte...
Podemos ver estrelas em nossos chacras**.
Quando o corpo dorme, voamos, em espírito...***

Nunca saímos de casa. Sempre estivemos n'Ele.
Quando sonhamos, Ele também sonha junto.
Quando rimos, Ele ri junto. E novas estrelas são criadas.
E, quando estamos tristes, Ele aponta para o Céu, e ri...

Ele sabe que tudo tem seu momento.
Que, na Terra, tudo passa, e o que importa é a lição.
O que vale é o Amor real, que ilumina a vida.
Esse Amor do Grande Coração d'Ele, em nós.

Viajamos na nave viva do universo, que é o corpo d'Ele.
Aprendemos tanto, mesmo sem percebermos.
Não nascemos nem morremos, só entramos e saímos dos corpos.
Somos o Eterno no transitório. Somos Todos Um!

Encarnados e desencarnados, terrestres e extraterrestres,
E todos os seres, tudo é Ele. Tudo é Um!
O Grande Concertista Cósmico toca a música da vida.
E nós vamos vivendo em sua canção eterna...

Aqui na Terra, mesmo com tanta agitação e loucura dos homens,
Alguns escutam essa canção cósmica e sentem algo sutil.
E dizem: "Somos Todos Um!" - mesmo que muitos não entendam.
Mas eles prosseguem dizendo, pois sentem isso no coração.

Sim, eles cantam o Absoluto, mesmo no relativo dos homens.
E sua canção é a mesma dos iniciados espirituais de todos os tempos.
É a canção do despertar da consciência. A canção d'Ele, em nós.
E o tema dela é: "Somos Todos Um!"

Felizes os que sabem disso... E vivem por tal ideal.
Mesmo que os homens duvidem, o coração dessa gente sabe.
Pois é gente leal e batalhadora, que só quer vencer a si mesma.
É gente que está conectada com o site do infinito...

Paz e Luz.
Somos Todos Um!

(Wagner Borges)

O princípio 90/10

– Você tem controle sobre sua vida?

Este é um princípio que mostra a relação entre o que temos ou não de controle sobre o que sucede em nossa vida.

De acordo com Stephen Covey, 10% da vida estão relacionados com o que se passa conosco e não temos controle sobre eles, já 90% com a forma de nossa reação aos fatos que vão determinar suas conclusões.

O que isso quer dizer?

Realmente, não podemos evitar que um carro quebre, um avião atrase, um semáforo fique vermelho, etc. Isso representa 10% do que nos sucede. Os restantes 90% serão determinados com nossas reações.

Exemplo:
Você esta tomando o café da manhã com sua família. Sua filha, ao pegar a xícara, deixa cair café na sua camisa branca de trabalho. Você não tem controle sobre isto, mas terá sobre o que acontecerá em seguida.

Você se irrita, repreende severamente sua filha, ela começa a chorar. Você censura sua esposa por ter colocado a xícara muito na beirada da mesa e daí, tem o prosseguimento de uma batalha verbal. Contrariado e resmungando, você vai trocar a camisa e voltando, encontra sua filha chorando mais ainda e ela acaba perdendo o ônibus para a escola. Sua esposa vai para o trabalho também contrariada e você tem que levar sua filha de carro para a escola. Como esta atrasado, dirige em alta velocidade é barrado por um guarda de trânsito e multado após 15 minutos de discussão. Deixa sua filha na escola, que desce sem se despedir de você e ao chegar ao escritório, percebe que esqueceu de sua maleta. Seu dia começou mal e ansioso para terminar o dia, é recebido friamente e em silêncio pela sua esposa e filha, ao chegar em casa.

Por quê seu dia foi tão ruim?

1. Por causa do café?
2. Por causa de sua filha?
3. Por causa de sua esposa?
4. Por causa da multa de trânsito?
5. Por sua causa?

A resposta correta é a de número 5, pois o fator determinante foi a ausência de controle sobre o acontecido.

De outra forma:
O café cai em sua camisa. Sua filha chora e você diz gentilmente a ela:
“Está bem querida, você só precisa ter mais cuidado”.

Depois de pegar outra camisa e a pasta executiva, você volta, olha pela janela e vê sua filha pegando o ônibus. Dá um sorriso e ela retribui dando adeus com a mão.

Notou a diferença?

Duas situações iguais com finais opostos. Portanto se alguém fizer um comentário negativo, procure não levar a serio, evitando assim ser afetado e tirando sua energia.

Autor: Stephen Covey

Vislumbres

“Vivemos para dizer quem somos.” (José Saramago)

“Deixa-te guiar pela criança que foste.” (José Saramago)

O nosso querido Saramago, o que quis dizer com esta frase?

Em meio à correria do dia-a-dia, quão frequentemente paramos para pensar
na criança que um dia, não tão distante, fomos?


As fotografias envelhecidas, guardadas em alguma gaveta esquecida do coração,
no fundo de algum velho baú da alma.


As lembranças de um tempo em que tudo era descoberta,
– a experiência misteriosa do existir.

A cidade da nossa infância: mistérios, surpresas, nuances...

Quem somos?
E como nos relacionamos com o mundo, com o tempo, com a história?

E se acaso falharmos em descobrir quem somos,
de que terá servido o nosso breve existir?


A vida nossa não é senão o lapso de tempo que nos é dado
para depositarmos
o nosso dom.

A partilha de dons e talentos, materiais e espirituais.
A efemeridade da vida eternizada no amor e na arte.


Diante da vastidão do tempo e do espaço,
quão frágil e preciosa é a experiência de viver.


O brilho no olhar de uma criança a cada nova descoberta,
e o fulgor das estrelas...


O silêncio das plantas, e as batidas de um coração;
As misteriosas conexões que ligam tudo que existe.

Nosso querido poeta Quintana dizia:
“A poesia purifica a alma, um belo poema sempre leva a Deus.”
(Mario Quintana)


Quão frequentemente recorremos à beleza e à poesia para purificarmos a nossa alma,
e nos elevarmos em direção a Deus?
(Mario Quintana)


A floração muda e silenciosa nos jardins que na nossa alma plantamos.

Roseirais dos corações, regados com as águas da Bondade,
da Ternura e da Compaixão.


A poesia adocica e tempera o coração.

Vislumbres do impalpável, do invisível, do inaudível,
generosamente partilhados
pelos poetas.

“A poesia é um sopro de eternidade.”
(Mario Quintana)

19 de fev de 2012

Carnaval

Carnaval... Carnaval!
A grande festa da folia!
Vou cantar... vou sambar
Até o raiar do dia!

Escolhi já minha fantasia:
para esses dias de magia
Vou vestir-me
de paz... felicidade
e muita alegria!

Farei adormecer a tristeza...
meus medos e incertezas.
Esquecerei a violência
e a covardia.
Levarei
nos lábios o sorriso...
nos olhos... a alegria...
no coração o batucar
da harmonia!
Em lugar de confeti
muitas pétalas de rosas
perfumadas e macias.

Quero a todos contagiar
com meu riso...
minha felicidade...
minha paz...
minha alegria!

Vyrena

18 de fev de 2012

Os Índigos & Revolução Espiritual

Os Índigos e Cristal representam a evolução do ser humano.

Eles personificam toda a grandeza e a essência divina do ser humano, preconizadas por diversas civilizações que nos antecederam na Terra e também pelos textos bíblicos. Eles representam a nova raça humana que está chegando em número crescente ao nosso Planeta.

Os Índigos possuem características e atributos tanto de ordem física quanto psicológica e espiritual diferentes. Isso faz com que um grande número de pais e de educadores, quando perguntados, se manifestem afirmando categoricamente que as crianças e os adolescentes não são mais os mesmos! E, oferecem inúmeros depoimentos relatando o comportamento e a maneira de ser e de estar de um jeito muito diferente, no mundo.

O que pode parecer para alguns menos informados ou desavisados apenas resultado das transformações de uma sociedade onde os valores estão confusos e invertidos e um sinal dos tempos, se revela muito mais do que isso a todo aquele que se detenha numa observação mais criteriosa e sensível.

Os indícios são muitos e muito fortes de que nem os pais, nem o sistema educacional vigente estão preparados para se relacionar e ajudar no processo de formação saudável destes seres humanos.

A preparação é necessária e urgente e para isso é preciso que a sociedade tome consciência destas mudanças e se organize através de grupos de profissionais ligados a educação e de pais para que possamos apoiar e oferecer a ajuda necessária para que os Índigos sejam respeitados em suas diferenças , ajudados e apoiados no sentido de realizarem seus dons e missão aqui.

Os índigos são seres humanos com uma freqüência vibracional mais elevada e com uma consciência mais expandida. São extremamente sensíveis e sabem, no seu íntimo que vieram com uma missão muito importante para esse Planeta. Pode ser que eles só despertem e obtenham clareza sobre sua missão na vida adulta, porém eles trazem com eles essa noção e um profundo senso de missão.

Os estudos e pesquisas assim como a prática de alguns profissionais no atendimento dos Índigos são ainda recentes, porém todos indicam que estamos diante de seres humanos diferentes que vieram para ajudar e acelerar o processo de transformação do nosso Planeta no sentido de sua evolução espiritual.

Conforme Darío Bermudez (in Aisemberg, 2003), evidências em diferentes partes do mundo parecem indicar que novos seres estão chegando ao planeta, seres com um nível muito mais elevado de consciência. Eles estão vindo para “mudar”, para construir, para deixar para trás o obsoleto e nos ensinar uma nova visão de tudo, com uma matéria prima revolucionariamente óbvia: o amor.

A primeira pessoa a identificar e escrever sobre o fenômeno Índigo, foi Nancy Ann Tappe, em seu livro “Understanding your life through color”, em 1980. Ela chamou de índigos aqueles seres nos quais identificou a cor Índigo em seu campo energético ou aura.

Todos os seres humanos possuem um campo de energia que os circunda e cuja coloração varia de acordo com seu grau de consciência e com sua missão aqui na Terra.

Sobre Nancy é importante destacar que é Professora na Universidade de San Diego State, EUA, è também Conferencista internacional com trabalhos realizados nos EUA, Canadá, Europa e Ásia. Parapsicóloga, Teóloga, Filósofa, sensitiva e canalizadora, submeteu seus dons paranormais de ver a aura humana, das plantas e dos animais a um acompanhamento científico, sob a direção de um psiquiatra americano, em San Diego.

Dedicada ao estudo dos Índigos, descobriu neles essa qualidade de energia azul.
Seus estudos e investigações tratavam de construir um perfil psicológico que pudesse resistir a crítica acadêmica. Na época, em 1980, seu colega e companheiro de pesquisa, o psiquiatra Dr. McGreggor, a chamou para ver seu filho que acabar de nascer, depois inúmeras dificuldades enfrentadas por ele e por sua mulher, para conseguir que ela engravidasse. Nancy foi ver o bebê e percebeu que ele tinha uma aura azul, cor que ainda não constava em seus registros e estudos de até então. O bebê não viveu por muito tempo mas Nancy passou a observar e estudar esta cor de aura, a partir daí.

Segundo Nancy, o principal que descobriu sobre os Índigos é que eles não têm um plano de estudos, como nós temos e não terão até os 7 ou 8 anos de idade ou até mais. Somente por volta dos 26 ou 27 anos de idade se poderá observar uma grande mudança nos Índigos, ou seja, seu propósito estará aqui e passarão a ter clareza impressionante sobre o que estão fazendo. E os mais jovens virão com uma clareza muito grande sobre o que farão na vida.

Algumas características dos índigos:

Conforme Doreen Virtue, Ph.D, conselheira científica nos EUA, você pode identificar uma Criança Índigo através das seguintes características principais:

- Possuem alta sensibilidade.
- Têm uma quantidade excessiva de energia.
- Se aborrecem facilmente podendo aparentar que só mantém a atenção por curtos períodos de tempo.
- Precisam de adultos seguros e emocionalmente estáveis.
- Resistem a autoridade se ela não for democraticamente orientada.
- Preferem aprender por métodos e caminhos não tradicionais e com prioridade a leitura e a matemática.
- Podem frustrar-se facilmente pois têm grandes idéias mas lhes faltam recursos e pessoas que ajudem a concretizá-las.
- Aprendem através da exploração, mas resistem a memorização pura e simples.
- Não se mantém sentados por muito tempo a não ser que estejam absortos em algo do seu interesse.
- Se experimentam o fracasso muito cedo, desistem ou desenvolvem bloqueios na aprendizagem.

E, após estudos e observações, evidenciam-se para mim, alguns sinais claros de que estamos diante de uma criança “diferente”.

- Não aceita o “não porque não”, como resposta. Exige argumentação sincera, plausível e não aceita “enrolação”.
- Seu olhar é muito profundo.
- Maturidade de um adulto.
- Alto grau de energia que precisa ser investida.
- Inteligência emocional e espiritual.
- Não sentem medo.
- Sabem quem são e o que vieram fazer aqui, conhecem sua vocação e missão de vida.
- Liderança natural, reconhecida e não forçada.
- Demonstram uma super sensibilidade.
- São especialmente criativos.
Grande interesse ou mesmo atração por temas ligados a magia, percepção extrassensorial, misticismo, sentidos especiais e “super poderes”.

http://revolucaodosindigos.wordpress.com

Repensando...

A contradição é o fiel do equilíbrio.

O contraditório é o forjador de idéias.

Das polêmicas surgem as mais criativas soluções.

O bem-viver não se apóia em consensos insossos.

Viver bem é encontrar paz na rebeldia, alento no inconformismo,

compreensão no inexplicável.

É questionar, mais que aceitar; discordar, mesmo isoladamente;

duvidar de 'verdades absolutas'.

A alma crepitante sempre alimenta um coração flamejante.

A chama é combustível da razão, em muitas ocasiões.

Emoções não são mornas; queimam.

Desejo e indignação têm temperaturas semelhantes.

É o contraditório que governa a vida.

(Jolie Gonzaga)

17 de fev de 2012

Quem sou

Não me peçam para dizer
Não me peçam para falar
Apenas me permitam sentir
Não digam o que devo pensar
Nem pensem por mim
Por favor.

Não ousem afirmar quem eu sou
Pois vocês não alcançariam
Venho de um lugar distante,
Milhas e milhas à frente

Se desejam conviver comigo
Estejam prontos para a aventura
Aprender e ensinar.

Se desejam me proporcionar
O maior bem, a vida,
Abram o coração,
os ouvidos e todos os sentidos,
Simplesmente,o seguirão.

Abram o coração
E permitam-me fazer o mesmo.

É minha única linguagem,
Minha única canção,
O coração…

(Mensagem de um Índigo)

Amar simplesmente

O amor deve ser dado igualmente para todos.

A verdadeira afeição, o padrão reto é o amor que é desapegado,
pelo fato de ter apego a todas as coisas.


O verdadeiro amor é semelhante à flor, que dá perfume a todo transeunte
e não cuida de quem recebe a sua deliciosa fragrância.


Não há amor, quando há apenas a própria satisfação, ainda que seja mútua.

Não há amor, quando há restrição; não há amor,
quando apenas se trata de um meio para atingir a um fim;
quando há apenas sensação.


Na flama do amor todo medo é consumido.

A alma é uma divisão nascida da ilusão.

Jiddu Krishnamurti

O amor

A compaixão e o amor são as virtudes mais preciosas da vida.

Por serem muito simples, são difíceis de serem colocados em prática.

A compaixão só poderá ser plenamente cultivada à medida que se reconhece que cada ser humano é parte da humanidade e pertencente à família humana, independente de religião, raça, cultura, cor e ideologia.

A verdade é que não há diferença alguma entre os seres humanos.

Sem amor, a sociedade humana encontra-se em situação difícil.

Sem amor, iremos enfrentar problemas terríveis no futuro.

O amor é o centro da vida.

O amor e a compaixão são a base estrutural da felicidade humana
e a sua necessidade se encontra no núcleo de nosso ser.


Dalai Lama

O Poder Cósmico da Mente

A oração é sempre a solução.

A oração é um desejo dirigido a Deus, e Deus o atende.

Com Deus tudo é possível.

Deus é todo-poderoso e não conhece obstáculos.


Deixe que o amor e a Paz Divina penetrem o seu coração,
e o passado será esquecido e
jamais relembrado.

Na oração, ignore as dúvidas e os temores, e reconheça
que a Inteligência Infinita sabe como agir e possui o know-how da solução.


A Inteligência Criadora, que é Deus em todos os homens,
não discrimina as pessoas e
responde a todos conforme a sua fé.

A fé é uma atitude mental que comanda e consegue resultados.

O poder curador de Deus está dentro de você.

Remova todos os obstáculos mentais e

deixe que ele corra através de você.

Todos nós nascemos com o poder de curar porque
a Infinita Presença Curadora está
dentro de nós...

A milagrosa força curadora que fez seu corpo, caro leitor, sabe como curá-lo.

Conhece todos os processos e funções de seu corpo.

Confie na força curadora e receba a cura agora.


O princípio curador corre através de suas imagens mentais e pensamentos,
tomando
realidade tudo o que você desejar.

Se você acredita em uma coisa, ela se realizará, quer você pense nela
conscientemente
ou não.

Acredite apenas naquilo que o cura, abençoa e inspira.


Exalte o poder de Deus que existe em você,
e você fará com que qualquer doença pare
de se difundir em seu corpo.

Você está espiritualmente cego quando não sabe que os pensamentos são coisas, que você atrai o que sente e que se transformará no que imagina.

O ódio é um veneno mental.

Sua atitude mental é a causa, e sua experiência o efeito.

Afirme corajosamente que Deus supre todas as suas necessidades,
e você prosperará em
todos os sentidos.

O ódio é um veneno mortal que provoca a morte de todos os órgãos vitais do corpo.

A Inteligência Infinita no seu subconsciente tudo sabe e tudo vê.
Chame-A e você
receberá a resposta. Apenas ela sabe a resposta.

A sabedoria de seu subconsciente ascende à superfície de sua mente, ou consciente,
quando este último se acha relaxado e em paz.

A relaxação é a chave.


Erradique o medo unindo-se mental e emocionalmente à Presença de Deus
que existe
dentro de você.

O medo do fracasso atrairá o fracasso.

Seu destino é criado por seus pensamentos e sentimentos.

O homem cria o seu próprio céu e inferno aqui e agora, de acordo com o que vive pensando.

Em toda a natureza, a lei de ação e reação é universal.
A um bom pensamento segue-se o bem. A um mau pensamento, o mal.


O alimento de suas experiências, condições e do que lhe sucede é a sua vida pensante.

Mude a sua maneira atual de pensar e você mudará o seu futuro.
Seu futuro é a manifestação do seu pensamento presente.


Aprenda a usar as leis de sua mente, e você atrairá a riqueza, o amor,
a felicidade e uma vida mais abundante.


Seu subconsciente tem processos. que você desconhece.
Dê-lhe a idéia da prosperidade, e deixe que ele faça o resto..


do livro: "O Poder Cósmico da Mente" de Joseph Murphy

Amor verdadeiro

Amor é o sentimento que nos preenche por inteiro, fazendo bater mais forte o coração.

Sentir amor é estar entrando em contato com algo muito bonito dentro de nós, que somos nós mesmos. É uma sensação de grande expansão interior, de preenchimento de algo em nós que muitos não sabem definir o que é, mas é nosso próprio coração.

Ao preencher meu coração, estou colocando meu melhor sentimento dentro dele, pois é o mais puro que existe. Ele é descompromissado, desapegado de senões e de limites. Ele apenas é...

É onde a pessoa se doa pelo prazer de estar na companhia do outro, o prazer de vê-lo feliz a seu lado.

É deixar o outro ser como ele é, sem fazer nada para mudá-lo, pois aprendeu a amá-lo desde que o conheceu e a beleza que ele despertou em seu coração lhe preenche. Você respeita o direito do outro ser quem ele quer e o deixa livre para ser ele mesmo.

Você não cobra sua presença, suas atitudes, sua atenção ou dedicação, pois é consciente de que aquilo que é seu, não está fora. Está à sua disposição para curti-lo, sabendo que ele é a metade que se desprendeu temporariamente de você, para vivenciarem experiências isoladas.

Mas por ter uma grande conexão, física, mental, emocional e principalmente energética, ele voltará na hora certa e poderão viver a felicidade plena.

Quando você solta tudo, é porque confia que o que você merece, vem com facilidade até você. Ao confiar e soltar, você está certo que a vida está do seu lado e vai apoiá-lo em suas atitudes e vai responder positivamente à sua fé.


Jandira Moraes

15 de fev de 2012

"O carisma é a expressão da alma.

Quando a alma fala,

sua essência espiritual e divina se manifesta,

e a pessoa brilha, conquista, aparece.

É nela que reside sua força e poder.

Negá-la é preferir a obscuridade."

(Zíbia Gasparetto)
"...é inevitável não sentir

que ser amáveis e cuidadosos uns com os outros

não é um favor, uma concessão.

Inevitável não sentir que o gostinho bom de dar amor

é tão saboroso quanto o de recebê-lo."

(Ana Jácomo)
Há sempre uma mensagem no Universo para ser recolhida...

É como uma flor para acalmar o coração sofrido de alguém.

Há quem sempre se pergunte se o fim é o fim e eu digo que é o fim quando dormimos para a vida deixando com que as forças maldosas, nos dominem...

Há forças que nos conduzem a erros profundos deixando marcas que partilham, além de onde deveriam.

Há uma lei a ser cumprida, a lei da ajuda mútua, dos pensamentos positivos, translúcidos que faz um campo magnético onde todos são iluminados e protegidos, às vezes até a si mesmo.

Se olhem com os olhos da verdade, do respeito e do desinteresse mútuo, se unam na consagração de um único povo, onde tudo que irradia é a pureza e a união.

Devemos compreender que tudo o que temos é o amor que carregamos, pois quem ama, protege, cuida, e não há uma única negatividade para atrapalhar a vida do próximo.

Que onde nós vivemos seja como um raio luminoso que se estende sobre todos que amamos, que a beleza vista, seja sempre vista com os olhos do coração e da bondade e que toda nossa riqueza possamos carregá-la dentro de nossa própria alma, só assim alcançaremos um pequeno pedaço da flor divina, cuja divindade jamais deixaria um filho padecer de fome e na última homenagem a esse corpo que nos carrega é mantê-lo imaculado, longe de todas as perdições.

Que na infinita graça alguém sinta o toque de ter um pouco de amor para dar aqueles que parecem que estão desprovidos de amor.

(Edna Silva)
"O amor verdadeiro tem destas coisas:

não se explica,

não se controla,

não se racionaliza,

simplesmente toma conta..."

(Martha Medeiros)

14 de fev de 2012

O segredo do casamento

Qual será o segredo dos casamentos duradouros?

Casais que convivem há anos falam de paciência, renúncia, compreensão.

Em verdade, cada um tem sua fórmula especial.

Recentemente lemos as anotações de um escritor que achamos muito interessantes.

Ele afirma que um bom casamento deve ser criado.

No casamento, as pequenas coisas são as grandes coisas.

É jamais ser muito velho para dar-se as mãos, diz ele.

É lembrar de dizer "te amo", pelo menos uma vez ao dia.

É nunca ir dormir zangado. É ter valores e objetivos comuns.

É estar unidos ao enfrentar o mundo.

É formar um círculo de amor que uma toda a família.

É proferir elogios e ter capacidade para perdoar e esquecer.

É proporcionar uma atmosfera onde cada qual possa crescer na busca recíproca do bem e do belo.

É não só casar-se com a pessoa certa, mas ser o companheiro perfeito.

E para ser o companheiro perfeito é preciso ter bom humor e otimismo.

Ser natural e saber agir com tato.

É saber escutar com atenção, sem interromper a cada instante.

É mostrar admiração e confiança, interessando-se pelos problemas e atividades do outro. Perguntar o que o atormenta, o que o deixa feliz, por que está aborrecido.

É ser discreto, sabendo o momento de deixar o companheiro a sós para que coloque em ordem seus pensamentos.

É distribuir carinho e compreensão, combinando amor e poesia, sem esquecer galanteios e cortesia.

É ter sabedoria para repetir os momentos do namoro. Aqueles momentos mágicos em que a orquestra do mundo parecia tocar somente para os dois.

É ser o apoio diante dos demais.

É ter cuidado no linguajar, é ser firme, leal.

É ter atenção além do trivial e conseguir descobrir quando um se tiver esmerado na apresentação para o outro. Um novo corte de cabelo, uma vestimenta diferente, detalhes pequenos mas importantes.

É saber dar atenção para a família do outro pois, ao se unir o casal, as duas famílias formam uma unidade.

É cultivar o desejo constante de superação.

É responder dignamente e de forma justa por todos os atos.

É ser grato por tudo o que um significa na vida do outro.

O amor real, por manter as suas raízes no equilíbrio, vai se firmando dia a dia, através da convivência estreita.

O amor, nascido de uma vivência progressiva e madura, não tende a acabar, mas amplia-se, uma vez que os envolvidos passam a conhecer vícios e virtudes, manias e costumes de um e de outro.

O equilíbrio do amor promove a prática da justiça e da bondade, da cooperação e do senso de dever, da afetividade e advertência amadurecida.

Equipe de Redação do Momento Espírita, com base nos livros: Um presente especial.

A amizade...

A amizade é o sentimento que imanta as almas umas às outras, gerando alegria e bem-estar.

A amizade é suave expressão do ser humano que necessita intercambiar
as forças da emoção sob os estímulos do entendimento fraternal.


Inspiradora de coragem e de abnegação. a amizade enfloresce as almas,
abençoando-as com resistências para as lutas.


Há, no mundo moderno, muita falta de amizade!

O egoísmo afasta as pessoas e as isola.
A amizade as aproxima e irmana.
O medo agride as almas e infelicita.
A amizade apazigua e alegra os indivíduos.

A desconfiança desarmoniza as vidas e a amizade equilibra as mentes,
dulcificando os corações.


Na área dos amores de profundidade, a presença da amizade é fundamental.

Ela nasce de uma expressão de simpatia, e firma-se com as raízes do afeto seguro,
fincadas nas terras da alma.


Quando outras emoções se estiolam no vaivém dos choques,
a amizade perdura, companheira devotada dos homens que se estimam.


Se a amizade fugisse da Terra, a vida espiritual dos seres se esfacelaria.

Ela é meiga e paciente, vigilante e ativa.
Discreta, apaga-se, para que brilhe aquele a quem se afeiçoa.
Sustenta na fraqueza e liberta nos momentos de dor.
A amizade é fácil de ser vitalizada.

Cultivá-la, constitui um dever de todo aquele que pensa e aspira, porquanto, ninguém logra êxito, se avança com aridez na alam ou indiferente ao elevo da sua fluidez.

Quando os impulsos sexuais do amor, nos nubentes, passam, a amizade fica.

Quando a desilusão apaga o fogo dos desejos nos grandes romances,
se existe amizade, não se rompem os liames da união.


A amizade de Jesus pelos discípulos e pelas multidões dá-nos, até hoje, a dimensão do que é o amor na sua essência mais pura, demonstrando que ela é o passo inicial para essa conquista superior que é meta de todas as vidas e mandamento maior da Lei Divina.

Joanna de Ângelis